Se Eduardo Cunha não fosse uma pessoa real, me divertiria um bocado com ele. 

Imagina que maravilhoso uma sitcom chamada Dudu em que um político trapalhão fala coisas tipo “a legalização do aborto vem sendo imposta a todo o mundo por organizações internacionais financiadas por fundações norte-americanas ligadas a interesses supercapitalistas” enquanto desvia dinheiro pra Suíça e compra porsche em nome de Jesus.com? Não perderia um episódio, gargalhadas na certa.

O problema é que ele é real, né? E enquanto fala essas sandices e propõe seus retrocessos na câmara, mulheres morrem.

Para quem estiver no Rio de Janeiro, hoje acontece o ato Mulheres Contra Cunha. Vamos pra rua dizer basta a violência e basta de conservadorismo.

01

Mulheres contra Cunha – Abaixo o PL 5069/2013

Concentração na ALERJ às 14hs

Saída do Cortejo às 17hs

Ocupação na Cinelândia às 18hs

Encontro vocês lá.

, ,