Lugar de Mulher

força

A cultura do punheteiro

Ontem estava lendo esse texto da Mari  e, para além do jornalismo punheteiro que ela ressalta como tema (e vergonha), fiquei pensando (um pensamento recorrente, mais do que eu gostaria) sobre como a régua que define nosso lugar invariavelmente anda de mãos dadas com uma espécie de concurso de beleza.

Sendo sujeito da própria vida

Esta semana estava lendo o Questão de Gênero, da Jarid (inclusive recomendo), e vi essa pesquisa, #MeninaPodeTudo, com brasileiras muito jovens (entre 14 e 24 anos), sobre o impacto do machismo na vida delas.