Me escreveram perguntando como faço para viajar sendo obesíssima mórbida.

 Polly, como você faz pra viajar tanto? Morro de medo de não caber na poltrona do avião, do cinto de segurança não fechar, de me tratarem mal porque sou gorda e acabo não viajando. Axuda!

Olha, não vou mentir, não caber na poltrona do avião é uma paranoia constante na minha vida. Enquanto todo mundo na sala de embarque  reza para o avião não cair, eu faço uma novena para minha bunda caber no assento. Cada viagem é um colapso nervoso, mas você pode tomar algumas medidas para diminuir a ansiedade.

A melhor coisa seria economizar um pouco e ir de executiva. A passagem custa o dobro do preço, mas é melhor demorar mais um pouco pra juntar a grana necessária do que viver com medo e nunca ir para lugar nenhum, né?

Algumas empresas oferecem um segundo assento por um preço mais barato, dependendo do desconto pode ser uma boa alternativa para a executiva e você vai linda esparramada sem ninguém do seu lado.

Se esperar ter dinheiro para a executiva ou assento extra não é uma opção, vire a Louca do Seat Guru. Nesse site você pode comparar o mapa de assentos e medida das poltronas de todas as cias aéreas e escolher a menos pior.

Escolha sempre a poltrona do corredor. Sim, todo mundo quer  sentar na janela tirando fotos do céu para postar no Instagram, mas imagina ter que ir ao banheiro e precisar atravessar a fileira toda até alcançar a liberdade? No corredor você pode se esparramar para fora, esticar melhor as pernas, às vezes dá para levantar o braço da poltrona. Confie em mim, sua vida vai ser bem melhor no corredor.

Mas e se colocarem na poltrona do meio?

Senta e chora.

Ninguém, gordo ou magro, gosta da poltrona do meio. O jeito é não dar bobeira e marcar seu assento o mais rápido possível para evitar essa tragédia. Se na hora do check-in der alguma merda e te botarem no meio, faça o que qualquer mulher bem resolvida faria: chore.  Funcionário de aeroporto tá sempre querendo evitar piti, então dê uma choradinha que eles resolvem.

Agora, o cinto de segurança. Faz uns vinte quilos que já desisti de sequer tentar colocar o cinto sem um extensor. Para evitar a fadiga, assim que entrar no avião já peça o seu para a comissária. Melhor assim do que tentar fechar o cinto, ficar com vergonha que não coube, segurar ele com a mão para fingir que tá afivelado, a comissária perceber o truque e dizer SENHORA POR AFIVELE O CINTO na frente de todo mundo e só então você confessar que não coube e pedir o extensor. Já peça logo na entrada e evite esse drama.

Ai, mas eu tenho vergonha de pedir o extensor.

Então compre o seu! Paguei cinco dólares no meu no Aliexpress e nunca mais me preocupei com isso, uma fonte de ansiedade a menos.

Se mesmo seguindo todas essas dicas você ainda estiver nervosa, segue minha dica final:

Bebe que passa.

, ,