3 dicas de vendas online

Com a crise econômica que assola nosso país, você viu suas vendas baixarem, mesmo já tendo um tráfego muito bom em seu e-commerce? Existem (além deste já citado) dois motivos possíveis para tal fator: seu tráfego não é qualificado (as pessoas que chegam até lá não querem comprar seus produtos) e a experiência do usuário não é forte o suficiente para converter-se em compras. 

Por isso, neste texto, vamos resolver esse desafio, discutindo estratégias que servirão para incentivar os clientes a adicionar os itens ao carrinho de compras, aumentar o valor médio do pedido e trazê-los de volta exponencialmente, seja dentro do ramo de eletrônica, de transformador de solda ou qualquer outro. 

Ficou curioso sobre o assunto? Então, continue com a gente!

 

1- Produtos relevantes de upsell e cross-sell 

Upsells e cross-sells são responsáveis ​​por uma média de 10 a 30% da receita de comércio eletrônico. Usados por grandes conglomerados como McDonald’s, Pepsi e KFC, só para citar alguns, são conceitos que introduzem os verdadeiros interessados para dentro de seu segmento. 

Upselling e cross-selling são diferentes, embora os termos sejam intercambiáveis ​​nos dias de hoje e são tão fundamentais quanto um projeto de climatização para quem quer maior conforto térmico.

 

2- Use recomendações personalizadas de produtos

Há alguns anos, a Amazon revelou que 35% de sua receita vinha de recomendações de produtos. Atualmente, 70% da página inicial deste site conta com blocos dessas sugestões. 

A tecnologia se tornou a norma: esse tipo de funcionalidade é gerada e adaptada ao comportamento e aos interesses de cada comprador, diretamente na loja. Ao sugerir modelos relevantes para aquilo que o cliente busca, essa estratégia não só evita que os interessados saiam de mãos vazias, como os motiva a adicionar mais itens ao carrinho, aumentando assim o valor médio dos pedidos da loja.

Ou seja, é como se fizesse a manutenção de compressores, antes mesmo deles apresentarem problemas mais sérios.

 

3- Aumente a prova social com análises de produtos ou notificações de vendas recentes 

A prova social é a chave para um marketing magnético e assertivo, pois você aproveita o ‘efeito de manada’ para atrair mais clientes. Mas como fazer isso? Ao visitar seu site pela primeira vez, muitos compradores estão em dúvida. 

Embora as compras on-line não sejam desconhecidas, existem riscos até certo ponto, pois não existe a possibilidade de ver ou tocar nos produtos antes de pagar. E se os modelos não se parecerem com o que estão retratados ou não funcionarem da maneira como são descritos? 

A prova social pode fazer maravilhas para você aqui: indique os clientes que compraram e tiveram uma experiência feliz com sua loja. Sendo assim, haverá criação de confiança em sua marca e incentivo para que novos clientes começarem a adquirir o costume de ir até o e-commerce.

Essas três dicas farão toda a diferença e moldarão a forma com que vê enxerga a variação dos lucros e da retenção de clientes.

Gostou do conteúdo? Conte para gente nos comentários e não deixe de acompanhar as novidades no blog e compartilhar nas redes sociais. 

Este artigo foi produzido pela equipe do Soluções Industriais.

Leave a comment

Your email address will not be published.